Necessário: doações de sangue durante as folgas de fim de ano

A necessidade de sangue que salva vidas pode aumentar durante as férias, período em que o número de doadores diminui.

Necessário: doações de sangue durante as folgas de fim de ano
Doação de sangue | Nov. 5, 2021

É tempo de doar. Entretanto, nesta época do ano, a maioria das pessoas está tão ocupada com presentes que não pensa naquele presente que poderia salvar vidas. De acordo com dados de hemocentros Brasil afora, os meses de férias de verão (novembro a janeiro) registram os menores números de doações de sangue do ano. Isso ocorre durante os feriados de fim de ano, pois muitas organizações entram em férias e os possíveis voluntários estão ocupados com os preparativos das festas de fim de ano.

A necessidade de sangue nunca tira folga
Segundo dados do Ministério da Saúde, de março de 2021, a taxa de doação de sangue voluntária da população brasileira é de 1,6%.1 Às vezes, este sangue é usado no tratamento de pacientes com doenças crônicas, e, em outras, ele ajuda a salvar a vida de alguém em uma emergência como um acidente de carro. É importante lembrar que durante o período de férias o grande número de viagens pode contribuir para o aumento de emergências nos hospitais do país.

O sangue tem uma vida útil muito curta. Os glóbulos vermelhos podem ser armazenados por até 42 dias antes da transfusão, e plaquetas, que ajudam pacientes com transplante de medula óssea, câncer e leucemia, só duram cinco dias antes de não poderem mais ser usadas.

Todos podem se beneficiar
Receber uma rede de doadores ativos foi a chave para salvar a vida de Pedro Pimenta em 2009. O economista, escritor e proprietário de uma clínica de reabilitação de amputados precisou receber várias doações de sangue. Aos 18, ele teve os braços e as pernas amputados por causa de uma meningite. Durante sua internação, precisou de 43 bolsas de sangue. Ou seja, 3,5 vezes seu volume de sangue no organismo. Para isso, muita gente ajudou: foram mais de 70 doadores. Hoje, ele atua no treinamento de amputados, colaborando para que essas pessoas conquistem mais mobilidade e autonomia. Para Pedro "o sangue só existe nos hemocentros porque pessoas saíram de sua zona de conforto, praticaram a empatia e se dispuseram a doar sangue".

Está no espírito de fazer o bem? Marque uma hora para fazer uma doação de sangue.
Quando for planejar sua lista de presentes – Dia das Crianças, Natal etc. –, considere adicionar mais um item: "doar sangue".2 Todo o processo leva cerca de uma hora, menos do que para assistir um filme. Melhor ainda: sua doação pode ajudar a salvar a vida de até quatro pessoas.

Você é elegível para doar sangue? Provavelmente sim!
Doar sangue é uma atitude cidadã geradora de cura e vida. Antes de programar-se para uma doação, porém, é preciso conhecer os requisitos para esta boa ação. Quer saber mais sobre doação de sangue? Confira esses recursos:

Referências:
1 Ministério da Saúde https://aps.saude.gov.br/noticia/11656
2 Ministério da Saúde http://antigo.saude.gov.br/saude-de-a-z/doacao-de-sangue